Todo mundo conhece de perto o amor bandido. São relacionamentos pessoais, familiares, sociais e amorosos, de muita intensidade. Na verdade, todas estas relações são amorosas. As pessoas que vivem aos tapas e beijos, mas não se desgrudam jamais. Nem sabem como viver sem a outra.

Cato vs Clouseau - The Pink Panther Strikes Again



Às vezes, uma delas resolve, num lampejo de autopreservação, pedir água. O outro argumenta que “este é só o meu jeitinho”, não leve a mal (cantada por Danni Carlos). 
Para quem está de fora, é uma comédia tragicômica. E, as pessoas seguem se amando, quebrando os pratos e o que houver pela frente.

Entre Tapas e Beijos - Banda Calypso



Na verdade, se temos milhares de defeitos, como exigir que as relações sejam só saudáveis. O mais legal, destas relações, é o momento da reconciliação.  Juras de amor eterno, enquanto dure. E, não é que dura mesmo.

Rui e Vani – Os Normais



One Response so far.

  1. Cara amiga, não somos perfeitos, pois a terra é um planeta de expiação e provas; um lugar de aprendizado e resgate. Se fôssemos melhores, com certeza, teríamos nascido em outro planeta. Mas estamos evoluindo, ainda que lentamente.
    Um grande abraço.

Leave a Reply

Prazer em conhecer!